pub

Circuito Europeu de Bodyboard ETB 2016 | 1ª Etapa

Joana Schenker Vence em França

Joana Schenker com o companheiro, Francisco Pinheiro, instantes após a vitória no La Salie Pro, este sábado, em França (®ESF)
Joana Schenker com o companheiro, Francisco Pinheiro, instantes após a vitória no La Salie Pro, este sábado, em França (®ESF)
pub

Joana Schenker (Associação de Bodyboard de Sagres) venceu o La Salie Pro, em França, 1ª Etapa do Circuito Europeu de Bodyboard ETB 2016. Foi a segunda vitória consecutiva nesta prova anual conseguida pela atleta algarvia, bicampeã nacional e bicampeã europeia de bodyboard em título. “Estou muito satisfeita com esta vitória. Foi um campeonato muito difícil, pois estavam cá grandes nomes do bodyboard feminino”, comentou Joana Schenker, para o Swell-Algarve. Uma das adversárias fortes era a portuguesa Teresa Almeida, que fez 2º lugar na etapa feminina.

A atleta algarvia começou da melhor forma a defesa do seu titulo europeu de bodyboard. Joana Schenker vai correr este ano pela primeira vez o circuito mundial APB completo e a vitória alcançada este sábado em França dá-lhe confiança para as etapas do mundial e alivia a pressão na defesa do título europeu.

Finalistas Feminino no La Salie Pro 2016 (®ESF)

Finalistas Feminino no La Salie Pro 2016 (®ESF)

“Estavam aqui em França três campeãs mundiais (Alexandra Rinder, bicampeã mundial APB, Anne Cecil Lacoste, campeã ISA 2015; e a Teresa Almeida, campeã ISA 2014) e nas meias-finais calhei logo com duas delas”, comentou Joana Schenker. A atleta algarvia defrontou Alexandra Rinder e Anne Cecil Lacoste nas meias-finais. Perdeu para a bicampeã mundial APB, mas eliminou Lacoste e apurou-se para a final.

“Tanto as meias-finais como a final foram ‘heats’ super disputados até ao fim e acabou por correr bem para o meu lado”, disse Joana Schenker, ao Swell-Algarve. Na final feminina, Teresa Almeida assumiu o protagonismo, a espanhola Madi Fernandez fez a melhor onda (6,75) e Joana Schenker deu a volta com a sua última onda (6,05), conseguindo a vitória na etapa. “É bom começar o circuito a vencer mas ainda faltam muitas etapas até ao final do ano”, concluiu a atleta algarvia.

Joana Schenker e Pierre Louis Costes, os campeões do La Salie Pro 2016 (®ESF)

Joana Schenker e Pierre Louis Costes, os campeões do La Salie Pro 2016 (®ESF)

Joana Schenker foi a vencedora na categoria Feminino e Pierre Louis Costes venceu na categoria Open. Francisco Pinheiro, treinador e companheiro de Joana Schenker, competiu na categoria Open, onde foi o único português em prova. O bodyboarder algarvio perdeu de primeira, em 4º na sua bateria da Ronda 2, fase da prova em que teve entrada direta.

O Open foi dominado pelo francês Pierre Louis Costes e pelo marroquino Anas Haddar, que competiram em quadros opostos e varreram os respetivos percursos até à final com pontuações altas, na casa dos 16 pontos. Na final travaram um intenso duelo, decidido a favor do francês.

Comentários