pub

QS 1.500 em Israel começa sábado, 16 janeiro

‘Martim’ Satisfeito em Netanya

Frederico 'Martim' Magalhães com o 'uniforme' do Clube Naval de Portimão em Netanya, Israel, esta sexta-feira (®DR)
Frederico 'Martim' Magalhães com o 'uniforme' do Clube Naval de Portimão em Netanya, Israel, esta sexta-feira (®DR)
pub

Frederico ‘Martim’ Magalhães está a divertir-se e a mostrar ‘as cores’ do Clube Naval de Portimão em Netanya, Israel, onde inicia amanhã, sábado 16 de Janeiro, o primeiro campeonato do circuito mundial ‘Qualifying Series’ na sua carreira. A estreia começou bem, com inscrições de última hora a colocarem diretamente o surfista algarvio na Ronda 2 (ronda de 64 atletas), o que lhe garante mais pontos ainda sem ter competido.

O Seat Pro Netanya presented by Billabong começa sábado, 16 de Janeiro. É um QS Europeu de 1.500 pontos, o primeiro QS na carreira de ‘Martim’ Magalhães; a segunda prova da World Surf League alguma vez realizada em Israel. O surfista algarvio está na prova juntamente com o seu companheiro de treinos na Ericeira, Henrique ‘Neco’ Pyrrait (ver notícia).

Primeira imagem de 'Martim' a surfar em Israel (®NoamMargolis)

Primeira imagem de ‘Martim’ a surfar em Israel (®NoamMargolis)

‘Martim’ teve um dia muito completo esta sexta-feira, véspera do início da prova. De manhã, o atleta algarvio surfou num local e, à tarde, participou numa sessão de autógrafos e surfou no local da prova. Está a adorar a experiência, de tal forma, que diz só querer regressar a Portugal no final do período da prova, 27 de janeiro, mesmo que seja eliminado mais cedo.

O surfista de Portimão confidenciou ao Swell-Algarve estar satisfeito por ter a oportunidade de divulgar o Clube Naval de Portimão no estrangeiro. “É bom usar o ‘uniforme’. O clube está a ajudar-me mais e estou feliz por poder dar-lhe este retorno”, disse Frederico ‘Martim’ Magalhães.

O Seat Pro Netanya presented by Billabong começa amanhã e pode ser acompanhado no website da World Surf League. ‘Martim’ está agendado para a bateria 12 da Ronda 2, contra dois surfistas israelitas e um basco.

Comentários