pub

Formula, Formula Foil e Raceboard | Setembro, 15 a 23

Miguel Martinho Leva Três Mundiais a Portimão

Miguel Martinho, na imagem com a filha, vai estrear-se na organização de campeonatos e quer juntar várias classes num único evento (®PauloMarcelino/arquivo)
pub

Portimão Windsurfing World Championships acaba de ser anunciado pela International Formula Windsurfing Class. O evento integra os mundiais absolutos de Formula e Formula Foil e o mundial Masters de Raceboard e vai decorrer nos dias 15 a 23 de setembro. É o primeiro campeonato organizado pelo algarvio multicampeão nacional Miguel Martinho, que pretende “trazer todos os anos para Portimão um campeonato do mundo”.

“Lancei-me nisto porque já tinha em vista trazer as modalidades de windsurf a Portimão num conceito diferente do que se faz”, explicou Miguel Martinho. A ideia nasceu em 1997, quando o algarvio participou num mundial que juntou diversas classes em Freemantle, Perth, Austrália.

“Adorei o conceito. Juntar as classes é juntar toda a massa do windsurf num evento só. A minha ideia é conseguir trazer para Portimão todas as classes de windsurf”, disse Miguel Martinho, ao Swell-Algarve.

O evento inaugural vai juntar três classes mas, como diz o atleta-organizador, “é para começar”. O mundial multi-classes em Portimão é um projeto de três anos, com mais dois de opção. Miguel Martinho quer chegar às quatro classes em 2019 e está já em negociações para acrescentar a Techno 293 em 2020.

Portimão Windsurfing World Championships 2018 vai ficar na História do Windsurf como o primeiro mundial absoluto de sempre para a Classe Formula Foil. A competição nesta classe vai começar cinco dias depois das outras, “porque muitos atletas de Formula e Raceboard também fazem Foil”, revelou Miguel Martinho.

O evento em Portimão deverá juntar centena e meia de atletas. “O interesse é trazer atletas de todos os continentes, muito embora virem da Ásia seja mais complicado. Estamos a desenvolver contatos nesse sentido e vamos ver como corre”, disse o organizador.

Portimão recebeu em 2016 o Europeu por categorias. Miguel Martinho quer que a cidade seja escala anual para mundiais de windsurfing (®PauloMarcelino/arquivo)

Portimão recebeu em 2016 o Europeu por categorias. Miguel Martinho quer que a cidade seja escala anual para mundiais de windsurfing (®PauloMarcelino/arquivo)

Miguel Martinho é 19 vezes Campeão Nacional de Formula Windsurfing (ver notícia), títulos conquistados nos últimos 20 anos, incluindo 2017. É difícil encontrar um atleta com êxito semelhante na sua modalidade. O ano passado, o algarvio também venceu o Campeonato de Espanha (ver notícia), sagrou-se Vice-Campeão do Mundo Masters (ver notícia) e fez 10º lugar no mundial absoluto de Formula (ver notícia).

Apesar da vasta experiência desportiva como atleta, Miguel Martinho está agora a estrear-se como organizador de eventos desportivos. O velejador lança-se nesta aventura na companhia de Rui Maria, um amigo com muita experiência nas áreas comercial e marketing. O evento tem o apoio do clube de sempre do atleta, o Clube Naval de Portimão, responsável pela logística (secretariado) e plano de água (marcação de campos de regatas, comissão e embarcações de apoio).

“O Clube Naval (de Portimão) abriu-nos as portas com muito à-vontade; sem pestanejar. É um projeto interessante também para o clube”, comentou Miguel Martinho. O bom acolhimento estendeu-se à Associação Formula Windsurfing Portugal, que “também abraçou” o evento; e à própria Federação Portuguesa de Vela, que “mostrou todo o interesse”.

O Algarve tem sido destino para muitos campeonatos internacionais de windsurfing e vai receber este ano dois eventos mundiais. Além do agora anunciado Portimão Windsurfing World Championships, em setembro; vai realizar-se em Lagos, já em abril (dias 23 a 28), o Campeonato do Mundo Masters e Juventude de Formula Windsurfing.

Comentários