pub

Anfaplace Pro Casablanca | QS 1.500 | WSL

Yolanda Hopkins nas Meias-Finais em Marrocos

Yolanda Hopkins está nas meias-finais femininas em Casablanca, que deverão ser disputadas domingo, dia 17 (®LaurentMasurel/WSL)
Yolanda Hopkins está nas meias-finais femininas em Casablanca, que deverão ser disputadas domingo, dia 17 (®LaurentMasurel/WSL)
pub

A surfista algarvia Yolanda Hopkins está nas meias-finais do Anfaplace Pro Casablanca, prova feminina de 1500 pontos no circuito mundial ‘Qualifying Series’ da World Surf League. O duelo nas ‘meias’ com a argentina Josefina Ane deverá acontecer domingo, dia 17 de setembro, após um dia de pausa na prova feminina.

Yolanda é a 3ª melhor surfista no ‘ranking’ nacional feminino da Liga MEO Surf (ver notícia). A surfista de Quarteira optou por não participar na última etapa da liga nacional, em Cascais, para competir em Casablanca e reforçar a sua boa campanha QS este ano. A aposta está ganha e a prova marroquina ainda não terminou.

A surfista algarvia é a melhor portuguesa em prova em Marrocos e tem já garantido o 3º lugar. As outras duas surfistas portuguesas que viajaram até Casablanca – Carol Henrique e Mariana Assis – foram eliminadas na Ronda 1. Yolanda Hopkins já passou três rondas e ainda está em prova.

Yolanda Hopkins é atualmente a quarta melhor surfista portuguesa no ‘ranking’ Internacional Feminino QS e a terceira melhor portuguesa no ‘ranking’ Europeu Feminino QS. Este é o melhor ano da algarvia no QS. Yolanda é neste momento a 15ª melhor surfista europeia e a 146ª melhor mundial no circuito de qualificação da World Surf League.

Carol Henrique Campeã Europeia

Carol Henrique, bicampeã nacional de surf feminino conquistou esta sexta-feira o título europeu feminino da World Surf League. A surfista de Cascais, 22 anos de idade é a primeira portuguesa a conquistar o troféu, depois de Justin Mujica e o seu irmão Pedro Henrique já o terem conseguido, em 2004 e 2015, no quadro masculino.

Carol Henrique beneficiou de uma ajuda da algarvia Yolanda Hopkins no momento da consagração. Carol liderou com segurança o ranking europeu mas escorregou na primeira ronda do Anfaplace Pro Casablanca. Apesar disso foi em Marrocos que assegurou o título, quando a sua mais direta adversária, a espanhola Garazi Sánchez-Ortun foi eliminada nos quartos-de-final… pela algarvia Yolanda Hopkins.

ATUALIZAÇÃO (18 setembro): Yolanda perdeu na sua bateria de meias-finais e concluiu a prova em 3º lugar.

Comentários