pub

Ballito Pro presented by Billabong | QS 10.000

Vasco Ribeiro ‘On Fire’ na África do Sul

Vasco Ribeiro chegou aos quartos-de-final do primeiro QS 10.000 da temporada vencendo as suas baterias nas rondas anteriores (®WSL/KellyCestari)
Vasco Ribeiro chegou aos quartos-de-final do primeiro QS 10.000 da temporada vencendo as suas baterias nas rondas anteriores (®WSL/KellyCestari)
pub

Vasco Ribeiro apresentou-se em grande forma no Ballito Pro presented by Billabong, na África do Sul. O surfista português venceu todas as baterias disputadas até agora e já está nos quartos-de-final ‘man-on-man’, entre os oito finalistas da primeira prova de 10 mil pontos da temporada no circuito mundial de qualificação (‘Qualifying Series’) da World Surf League.

‘Vasquinho’ teve entrada direta na Ronda 2 do Ballito Pro e desde aí venceu todos os (4) ‘heats’ em que competiu. Uma exibição irrepreensível, que lhe permitiu ultrapassar alguns dos melhores surfistas do mundo e continuar em prova num alinhamento de luxo em que já ficaram pelo caminho os portugueses Frederico Morais (competidor Championship Tour) e Pedro Henrique (Campeão Nacional).

Vasco Ribeiro está entre os oito finalistas da prova sul-africana e já tem garantidos pelos menos 5200 pontos para o ‘ranking’ de qualificação mundial, no qual a fasquia dos 20.000 mil pontos já pode dar entrada na elite do Championship Tour.

O surfista português chegou pela segunda vez aos quartos-de-final de um QS 10.000 eliminando o ex-CT Nat Young, em duelo disputado em condições difíceis ‘onshore’ e no qual usou uma prancha emprestada de outro competidor por ter partido a sua no ‘heat’ anterior.

Estejam atentos ao site da World Surf League amanhã, sábado 8 de julho. Vasco Ribeiro, antigo Tricampeão de Portugal e Campeão Mundial Junior vai competir na última (4ª) bateria dos quartos-de-final, contra o brasileiro Willian Cardoso.

(ATUALIZAÇÃO | 8 julho) Vasco Ribeiro perdeu na bateria de quartos-de-final contra Willian Cardoso e terminou o Ballito Pro em 5º lugar. O brasileiro chegou à final, que perdeu para o herói sul-africano e competidor Championship Tour Jordy Smith.

Comentários