pub

Liga Meo surf 2018 | 4ª Etapa | Allianz Sintra Pro | Dia 1

Gony Zubizarreta Conquista Allianz Triple Crown

Gony Zubizarreta consumou a conquista o troféu paralelo ao vencer o seu segundo heat no dia (®PedroMestre/ANSurfistas)
pub

Arrancou em festa o Allianz Sintra Pro, a quarta e penúltima etapa da Liga MEO Surf 2018, com Gony Zubizarreta a conquistar já esta sexta-feira, de forma antecipada, o troféu da Allianz Triple Crown. “Esta é uma vitória muito importante para mim e agradeço muito à Alllianz”, começou por dizer Gony após o triunfo, que lhe rendeu um prémio de 4 mil euros.

A Praia Grande é a terceira e última paragem deste troféu especial e, depois de ter sido vice-campeão na etapa da Ericeira e campeão na etapa da Figueira da Foz, o surfista espanhol, que reside na Ericeira, precisou apenas de avançar dois heats durante o dia de hoje. Foi já ao final da tarde que Gony superou a 2.ª ronda, dando aí início à festa.

“Nunca tinha vencido este troféu. Já tinha estado muito perto, mas acabei por não conseguir. Este ano já tinha um primeiro e segundo lugar e estava muito perto de conseguir vencer. Tive a sorte de terem feito duas rondas hoje, consegui avançar e ganhar o prémio. Estou muito feliz. Obrigado a todos”, frisou Gony Zubizarreta, já com o cheque na mão.

Algarvio Francisco Canelas perdeu de primeira, em 4º lugar na bateria que abriu a Ronda 1 Masculino em Sintra (®PedroMestre/ANSurfistas)

Em jogo está ainda o título nacional, com as contas a ficarem cada vez mais apertadas à medida que a competição avança. Filipe Jervis lidera esta luta particular e tanto ele como os principais concorrentes diretos, onde se incluem nomes como Vasco Ribeiro, Miguel Blanco ou João Kopke, avançaram na prova durante esta sexta-feira. Outro dos destaques do dia foi Tomás Fernandes, que com um 7,9 pontos (máximo de 10) conseguiu a melhor onda desta primeira jornada na Praia Grande.

Algarve apresentou-se em prova com 12 surfistas de clubes da região Sul. Francisco Canelas (Portimão Surf Clube), Tomás Nunes e Miguel Marinho, ambos do Albufeira Surf Clube perderam ‘de primeira’, logo na Ronda 1 Masculino. Ivan Bailote (AlbufeiraSC), Francisco Duarte (Clube Naval de Portimão) e Paulo Almeida (PortimãoSC) foram eliminados na Ronda 2. Na divisão masculina, o destaque algarvio no primeiro dia em Sintra foi Martim Magalhães (CNPortimão), por ter vencido as duas baterias em que competiu.

Algarvia Concha Balsemão passou nos ‘trials’ mas perdeu na Ronda 1 Feminino, num ‘heat’ com duas favoritas na água (®PedroMestre/ANSurfistas)

Já na prova feminina foram realizados os trials e ainda a ronda inaugural, com destaque para um heat que opôs a atual campeã nacional Carol Henrique e a segunda classificada do ranking, Camilla Kemp. Ambas seguiram para a próxima fase, mas foi Carol a levar o triunfo, com um score de 11,40 (em pontos 20 possíveis). Kika Veselko, Mafalda Lopes e a algarvia Yolanda Hopkins foram as outras vencedoras da ronda.

Na divisão feminina entraram duas algarvias. Concha Balsemão (PortimãoSC) passou nos ‘trials’ mas perdeu na Ronda 1, num ‘heat’ com Carol Henrique e Camilla Kemp, cabeças de cartaz no evento. Yolanda Hopkins (CNPortimão) venceu o seu ‘heat’ na Ronda 1 Feminino e continua na luta pelo título nacional.

Algarvia Yolanda Hopkins segue no 3º lugar do ‘ranking’ nacional feminino e tem sido uma das revelações desta época desportiva (®PedroMestre/ANSurfistas)

Em simultâneo com a prova, decorreu na Praia Grande uma ação de limpeza de praia, apoiada pela Fundação PT, que envolveu mais de 350 crianças de instituições do concelho de Sintra e que teve como parceiros a Plastic Sundays e o Movimento Claro Sintra. Para amanhã a limpeza de praia está destinada a voluntários e realiza-se das 10 às 13 horas.

Agenda para Sábado, 7 de julho
08h00 – Kike Surf Coach: início de sessão prática de workshop de treinadores
09h00 – Canon: início de sessões práticas do workshop de fotografia por Ricardo Bravo
10h00 – Call segundo dia de competição
10h30 – Fundação PT: início de limpezas de praia com Plastic Sun Days destinada a voluntários
14h00 – Polen: workshop sobre pranchas de surf
15h00 – Moche: meias-finais do Moche Groms Cup Sintra (por confirmar)
16h00 – Renault: Expression Session (por confirmar)

O leque completo de sub-troféus em inclui a disputa pela melhor manobra na Renault Expression Session, pela melhor onda na Somersby Onda do Outro Mundo e o Moche Groms Cup (cada um com 2.500€/anuais), que nesta etapa irá realizar-se em dose dupla. Por fim, o prémio Sintra Best Surfer, iniciativa da Câmara Municipal de Sintra, irá distinguir os melhores surfistas locais na etapa (masculino e feminino) com 1.500 euros. A premiação global da Liga MEO Surf 2018 é de 90.000€.

Todas as etapas da Liga MEO Surf têm transmissão em direto em www.ligameosurf.pt e no Facebook do MEO, em complemento com as plataformas oficiais da Associação Nacional de Surfistas em www.ansurfistas.com e nas redes sociais @ansurfistas.

A Liga MEO Surf 2018 é uma organização da Associação Nacional de Surfistas e da Fire!, com o patrocínio do MEO, Allianz Seguros, Renault, Somersby, Moche, Rip Curl e da Câmara Municipal de Sintra, a Fundação PT como parceira ambiental, e o apoio técnico da Federação Portuguesa de Surf.

Links:

Allianz Sintra Pro | Heat Draw

Fonte: Nota de Imprensa da Associação Nacional de Surfistas, excepto os dois parágrafos com os resultados algarvios do dia pormenorizados, da responsabilidade da redacção.

Comentários