pub

Equipa I'M Racing Movistar

Algarvio Luís Brito no GC32 Racing Tour

Algarvio Luís Brito integra a equipa espanhola I'M Racing Movistar no circuito mundial GC32 Racing Tour
Algarvio Luís Brito integra a equipa espanhola I'M Racing Movistar no circuito mundial GC32 Racing Tour
pub

O velejador algarvio Luís Brito vai fazer a sua estreia amanhã, quinta-feira 11 de maio, no circuito mundial GC32 Racing Tour, como tripulante na equipa I’M Racing Movistar, comandada pelo experiente ‘skipper’ espanhol Iker Martínez. GC32 Riva Cup 2017 é a  primeira prova do ‘racing tour’ deste ano e vai decorrer no Lago Garda, em Itália, até domingo 14 de maio.

Luís Brito vai iniciar mais uma época desportiva a bordo dos ‘super catamarãs GC32’, um dos barcos à vela com maior exigência técnica e física da atualidade. Em 2016, o velejador algarvio competiu no Extreme Sailing Series, na equipa portuguesa Sail Portugal – Visit Madeira, que não surge na lista de equipas para a nova temporada. Este ano, Luís Brito muda-se para o outro circuito da jovem Classe, o GC32 Racing Tour, conseguindo manter-se ativo ao mais alto nível da vela internacional.

“A Sail Portugal desapareceu com muitas dívidas e outras coisas más, que não eram da responsabilidade dos velejadores mas acabaram por nos afetar diretamente”, explicou Luís Brito, ao Swell-Algarve.

A Associação Internacional da Classe GC32 foi fundada em 2014. O objetivo da associação é promover regatas internacionais de GC32. O catamarã com ‘foils’ GC32 foi concebido pelo francês Laurent Lenne e desenhado por Martin Fisher e surgiu no final de 2012. O GC32 tem 10 metros de comprimento e 6 metros de largura e é um dos barcos de regata mais rápidos no mundo, capaz de atingir velocidades muito próximas dos 40 nós. Manobrar o GC32 é um trabalho de equipa, com grande exigência técnica e muito esforço físico.

Equipa I'M Racing Movistar, com o português Luís Brito, à direita (®DR)

Equipa I’M Racing Movistar, com o português Luís Brito, à direita (®DR)

Luís Brito vai integrar a equipa espanhola I’M Racing Movistar como tripulante responsável pelas manobras. A equipa é comandada por Iker Martínez, velejador espanhol muito experiente: duas medalhas olímpicas e três títulos mundiais na Classe 49er, três participações na Volvo Ocean Race e uma participação na Copa América com um AC72, catamarã voador (com ‘foils’) mais complexo e caro que o GC32.

Fazem ainda parte da tripulação os espanhóis Fidel Turienzo (‘trimmer’) e Fernando R. Rivero (‘trimmer’) e o uruguaio Juani Taegli (treinador). O I’M Racing Movistar cumpre esta quarta-feira um dia de treinos livros no Lago Garda e inicia quinta-feira a Riva Cup, primeira etapa do GC32 Racing Tour. “Estou desde fevereiro com esta equipa e vai ser a primeira prova de fogo numa frota competitiva e experiente”, comentou Luís Brito, ao Swell-Algarve.

“Este projeto não deve durar muito tempo, pois tem pouco dinheiro e eu estou a substituir o Juani, que teve de ser operado a uma hérnia. É mais uma oportunidade e uma experiência que eu espero conseguir transmitir para a Vela em Portugal”, acrescentou o velejador algarvio.

Comentários