pub

Canoagem de Fundo | Ana Bebiano e Ana Acuña

Veteranas Algarvias Campeãs Nacionais

Ana Bebiano, de preto, no 1º lugar do pódio K1 Veterano A Feminino em Melres. Algarvia do Kayak Clube Castores do Arade sagrou-se Campeã Nacional de Canoagem de Fundo (®DR)
Ana Bebiano, de preto, no 1º lugar do pódio K1 Veterano A Feminino em Melres. Algarvia do Kayak Clube Castores do Arade sagrou-se Campeã Nacional de Canoagem de Fundo (®DR)
pub

As atletas Ana Bebiano e Ana Acuña, do Kayak Clube Castores do Arade, de Lagoa, Algarve, conquistaram ontem títulos de campeã nacional em K1 Veterano A Feminino e K1 Veterano B Feminino, respetivamente, no Campeonato Nacional de Canoagem de Fundo, em Melres, Gondomar. O clube algarvio conseguiu ainda um título individual de vice-campeão nacional, por intermédio do jovem Guilherme Reis, em K1 Iniciado, categoria em que o ‘castor’ Rúben Rodrigues Luís também subiu ao pódio, no 3º lugar.

A Federação Portuguesa de Canoagem em parceria com Liga-Dura, Cultura, Espectáculo e Conhecimento e Municipio de Gondomar promoveu este fim-de-semana, dias 1 e 2 de abril, o Campeonato Nacional de Fundo e Taça de Portugal de tripulações de Fundo, no Rio Douro, em Melres-Gondomar. É a maior e mais competitiva prova do calendário nacional da modalidade, envolvendo a presença de mais de meia centena de clubes e mais de 1000 atletas em competição num total de 71 regatas.

O Campeonato Nacional de Fundo foi disputado sábado, 1 de abril, em embarcações monolugares e com 28 títulos nacionais em jogo, com estreia oficial para a paracanoagem. O Algarve esteve representado por três clubes: Kayak Clube Castores do Arade (Lagoa), Grupo Desportivo de Alcoutim (Alcoutim) e Associação dos Amigos da Mexilhoeira da Carregação (Lagoa).

O KCCArade foi o único clube algarvio com presenças em pódio no Campeonato Nacional de Fundo. Ana Bebiano venceu a final K1 Veterano A Feminino, completando os 3 quilómetros de percurso em 15m47s71. A algarvia foi 35 segundos mais rápida que a 2ª classificada, Vera Bandeira Vitorino, do ANAmorense.

Ana Acuña, do clube algarvio KCCArade, campeã nacional de canoagem de fundo em K1 Veterano B Feminino (®DR)

Ana Acuña, do clube algarvio KCCArade, campeã nacional de canoagem de fundo em K1 Veterano B Feminino (®DR)

Ana Acuña, do KCCArade, venceu a final K1 Veterano B Feminino, também em 3 quilómetros, com o tempo de 16m40s54. A 2º classificada, Maria Oliveira (CRPArnelas) , ficou a 05s47. O algarvio Guilherme Reis (KCCArade) sagrou-se vice-campeão nacional K1 Iniciado, categoria disputada num percurso de 2 quilómetros, que o ‘castor’ algarvio demorou 12m24s51 a completar, terminando a 08s09 do vencedor, António Tavares (CNCrestuma).

Rúben Rodrigues Luís, KCCArade, também subiu ao pódio K1 Iniciado, em 3º lugar, com o tempo de 12m26s81. Destaque ainda para a boa prestação de Iago Bebiano em K1 Cadete, categoria disputada num percurso com 5 quilómetros. O atleta KCCArade terminou em 4º lugar, a 14 segundos do pódio.

O Campeonato Nacional de Fundo foi, novamente, ganho pelo Clube Náutico de Ponte de Lima. Nessa classificação por equipas, o KCCArade foi o melhor clube algarvio, terminando em 8º lugar, entre 49 clubes que pontuaram. O GDAlcoutim concluiu a prova por equipas em 17º e a AADMCarregação terminou em 24º.

Comentários