pub

Extreme Sailing Series | Evento 6

Sail Portugal Mais Consistente na Madeira

Equipa portuguesa obteve um bom resultado na Madeira, face à qualidade superior das quatro primeiras equipas (®HenriqueSeruca/SailPortugal)
Equipa portuguesa obteve um bom resultado na Madeira, face à qualidade superior das quatro primeiras equipas (®HenriqueSeruca/SailPortugal)
pub

A equipa Sail Portugal – Visit Madeira, com o algarvio Luís Brito a bordo, fez 5º lugar no Evento 6 do circuito mundial Extreme Saling Series, no Funchal, Ilha da Madeira. A equipa portuguesa realizou nesta etapa uma prestação mais consistente do que nas anteriores, conseguindo mesmo dois pódios em regatas no penúltimo dia do evento, sábado, jornada com melhor vento na capital madeirense.

Diogo Cayolla, “capitão” da equipa portuguesa, referiu que o quinto lugar se ajustou perfeitamente à performance da equipa. “As quatro equipas que ficaram à nossa frente na classificação são muito mais experientes e por isso a conquista do quinto lugar deixa-nos satisfeitos”.

O evento na Madeira foi a estreia da Extreme Sailing Series em Portugal e recebeu honras de transmissão televisiva, na RTP 2, durante o fim-de-semana. Este circuito de vela utiliza catamarãs voadores GC32, barcos espetaculares, com foils, uma característica de vanguarda na arte de velejar; e promove o formato de regata de estádio, com percursos próximos de terra, zona de manutenção aberta ao público, convidados a bordo durante as provas e bancadas junto ao mar, por forma a dar maior visibilidade à competição, o que é uma das principais dificuldades na vela.

Portugal é o segundo país com mais velejadores no circuito. Além de uma equipa totalmente portuguesa (Sail Portugal – Visit Madeira), estão também no circuito os portugueses Renato Conde, na equipa dinamarquesa SAP Extreme Saling Team (4º lugar na etapa) e José Costa, na equipa norte-americana Vega Racing (7ª na etapa). José Costa é algarvio, de Tavira, e representou Portugal, na Classe 49er, nos Jogos Olímpicos.

A equipa portuguesa Sail Portugal – Visit Madeira realizou na Madeira uma prova consistente. A frota é dominada por duas equipas – Alinghi (Suíça) e Oman Air (Omã) – e tem outras duas – Red Bull Saling Team (Áustria) e SAP Extreme Saling Team – coladas aos líderes. Este quarteto forma uma vanguarda de qualidade que se destaca da restante frota. Os dois líderes repartem entre si as vitórias nas seis etapas até agora disputadas.

Alinghi venceu na Madeira e igualou Oman Air (3º na Madeira) na liderança do circuito, o que aumenta a emoção para a próxima etapa, em Lisboa, nos dias 6 a 9 de outubro. A Sail Portugal – Visit Madeira viaja na terça-feira para Lisboa, para dar início a treinos com o GC32 no Tejo.

Face ao nível do quarteto da frente, com ‘skippers’ famosos na vela mundial, o 5º lugar da equipa portuguesa na Madeira é um bom resultado. A Sail Portugal – Visit Madeira está a estrear-se este ano no circuito e cumpre ainda a necessária fase de aprendizagem e adaptação. A equipa portuguesa segue na 6ª posição (antepenúltima) do ‘ranking’, mas conseguiu agora reduzir para quatro pontos a distância em relação à equipa britânica Land Rover BAR Academy, que andou sempre atrás dos portugueses na Madeira.

Comentários