pub

Campeonato Nacional de Surf Esperanças 2018

João Mendonça Top 5 Nacional Sub-16

João Mendonça em ação na Caparica. Surfista da Arrifana. vice-campeão nacional Sub-14, foi o melhor algarvio na finalíssima Sub-16 (®NunoAlves/IShootU/ASCC)
pub

O surfista algarvio João Mendonça terminou em 5º lugar no Campeonato Nacional de Surf Esperanças Sub-16, disputado na Praia do Dragão Vermelho, Costa de Caparica, no fim de semana 8 e 9 de dezembro. O atleta algarvio, federado pela Associação de Surf da Costa de Caparica, foi travado na fase ‘man on man’ por Joaquim Chaves, que seguiu até à vitória e conquistou o título nacional na categoria.

O Campeonato Nacional de Surf Esperanças é disputado em finalíssimas nacionais por categorias para as quais os atletas se apuram através dos seis circuitos regionais portugueses de surf. Em cada finalíssima nacional estão presentes os 32 melhores atletas nacionais por categoria, de acordo com os ‘rankings’ e quotas regionais. A Finalíssima Nacional Sub-16 foi organizada por Associação de Surf da Costa de Caparica e Federação Portuguesa de Surf.

O Algarve esteve representado por cinco (5) atletas na Finalíssima Nacional Sub-16. Leon Schneider (Portimão Surf Clube), Campeão Regional do Sul; Julian Seyffert (AlbufeiraSurf Clube), Vice-Campeão Regional; e Diogo Pereira (Iate Clube Marina de Portimão), Top 4 Regional, tiveram apuramento direto. João Mendonça (ASCCaparica) e Henrique ‘Piki’ Gomes (Clube Naval ide Portimão) receberam wildcards (convites) da Federação Portuguesa de Surf. Tomás Nunes (AlbufeiraSC) foi colocado em lista de espera, mas não chegou a entrar na prova.

João Mendonça foi o melhor algarvio em prova. O surfista local da Arrifana é ainda atleta do escalão Sub-14, categoria em que se sagrou este ano Campeão Regional da Grande Lisboa e Vice-Campeão Nacional. O ‘wildcard’ algarvio esteve forte durante todo o campeonato, vencendo três baterias (rondas 1, 3 e 4) e sendo o único algarvio sobrevivente ao primeiro dia de competição. João Mendonça terminou eliminado nos quartos-de-final, concluindo a prova em 5º lugar.

Diogo Pereira e Henrique Gomes perderam na repescagem (Ronda 2), em 3º nas respetivas baterias. Julian Seyffert passou na repescagem e perdeu na Ronda 3, em 3º na sua bateria. Leon Schneider, campeão regional do Sul, não precisou de ir à repescagem, mas perdeu também na Ronda 3, igualmente em 3º na sua bateria.

Joaquim Chaves, surfista local da Caparica, sagrou-se Campeão Nacional Sub-16, depois de ter sido Campeão Nacional Sub-14 em 2017 e Campeão Nacional Sub-12 em 2015. Gabriel Ribeiro, da Ericeira, perdeu numa final muito disputada e terminou vice-campeão nacional na categoria.

Comentários