pub

Canoagem | Joana Ramos e Iago Bebiano

Algarvios Finalistas no Esperanças Olímpicas

Algarvio Iago Bebiano conquistou 8º lugar individual em K1 200m masculino (®DR)
pub

Os atletas algarvios Joana Ramos (Grupo Desportivo de Alcoutim) e Iago Bebiano (Kayak Clube Castores do Arade) apuraram-se para finais A em K1 no Esperanças Olímpicas 2018, disputado em Poznan, Polónia, nos dias 14 a 16 de setembro. Os dois algarvios integraram a Seleção de Portugal, que concluiu o evento em 7º lugar por equipas, com duas medalhas de ouro e uma de prata.

Os dois algarvios selecionados para Poznan não conquistaram medalhas, mas contribuíram com pontos para a classificação coletiva, integrando também conjuntos em competição K4. Joana Ramos fez 9º lugar individual (Final A) em K1 500m (2003). A algarvia integrou o quarteto feminino – com Maria Oliveira, Maria Brandão e Beatriz Bessa –  que alcançou 6º lugar (Final A) em K4 1000m (2001-2003) e 8º lugar (Final A) K4 500m (2001-2003). Joana Ramos competiu ainda em K1 200m (2003) e terminou em 4º lugar na sua meia-final, falhando o acesso à Final A.

Algarvia Joana Ramos fez 9º lugar individual em K1 500m feminino e ainda disputou duas Finais A em K4 feminino (®DR)

Iago Bebiano fez 8º lugar individual (Final A) em K1 200m (2001), depois de ter feito 2º lugar na sua meia-final. O atleta algarvio integrou ainda o quarteto masculino – com Bruno Brasileiro, João Duarte e Sandro Matias – que falhou a Final A em K4 1000m (2001-2003).

Portugal terminou o Esperanças Olímpicas 2018 em 7º lugar por equipas, num total de 16 países em prova. A Seleção Portuguesa esteve melhor em canoas do que em kayaks, tendo participado em 10 finais e conquistado duas medalhas de Ouro – César Soares em C1 200m (2002) e Maria Oliveira em K1 200m (2001) – e uma medalha de Prata – César Soares em C1 1000m (2002).

Seleção de Portugal regressa da Polónia com balanço positivo (®DR)

Comentários