pub

Circuito Regional do Sul 2017 | Etapa 3

Marlon Lipke Vence em Faro

Marlon Lipke venceu todas as baterias, quatro; e fez a melhor onda do campeonato (®PauloMarcelino)
Marlon Lipke venceu todas as baterias, quatro; e fez a melhor onda do campeonato (®PauloMarcelino)
pub

Ficou hoje concluída a 3ª Etapa do Circuito Regional de Surf do Sul 2017, na Praia de Faro, com a realização da prova Open Masculino e Feminino, no âmbito do evento Four Oceans 2017, organizado pelo Clube de Surf de Faro. Marlon Lipke dominou a competição masculina e Inês Martins, atleta ‘da casa’, venceu a final direta feminina.

A prova decorreu entre as 10h00 e as 14h00. Apresentaram-se na divisão masculina 12 atletas, abaixo das expetativas geradas pelo anúncio de um prémio monetário de 500€, para os quatro finalistas, patrocinado por MSCar-Kia. O Clube de Surf de Faro aproveitou para estrear o modelo de baterias ‘man-on-man’, a partir da segunda fase das meias-finais e na final masculina. Estiveram em ação surfistas de 11 a 44 anos de idade. O mar esteve menor que nos últimos dias, o vento não entrou e o empenho e qualidade dos surfistas deu espetáculo para as muitas pessoas que aproveitaram o dia de sol na praia.

Henrique 'Piki' Gomes foi hoje o atleta mais jovem em prova na Praia de Faro (®PauloMarcelino)

Henrique ‘Piki’ Gomes foi hoje o atleta mais jovem em prova na Praia de Faro (®PauloMarcelino)

Henrique ‘Piki’ Gomes (Clube Naval de Portimão) já venceu este ano por antecipação o título de Campeão Regional de Surf Sub-12 e foi o atleta mais jovem em prova, tendo recebido por isso mesmo um prémio Decatthlon Faro. O grupo Esperanças na prova Open integrou ainda os jovens Igor Silva e Diogo Barbosa, do Clube de Surf de Faro, e Ricardo ‘Ricky’ Augusto, do Portimão Surf Clube. Igor perdeu de ‘primeira’ entre dois ‘gigantes. Diogo e Ricardo chegaram à segunda ronda, primeira fase de meias-finais, em baterias ainda com quatro atletas.

Miguel Marinho (Albufeira Surf Clube) foi vice-campeão nacional de Surf Grand Masters em 2015 e continua a competir sempre que pode. O veterano algarvio compareceu hoje à chamada na Praia de Faro, sendo afastado na primeira ronda, quatros-de-final em baterias com três atletas. Nélson Penteado (Imortal Surf Academy) foi uma surpresa em Faro. Aos 35 anos de idade, o ‘rei do Kanguru’ parece estar de volta à competição. Perdeu hoje na segunda ronda.

O local João Ventura fez 3º lugar Open (®PauloMarcelino)

O local João Ventura fez 3º lugar Open (®PauloMarcelino)

Os locais da praia estiveram representados pelos seniores Luís Esteves e João Ventura, atletas do Clube de Surf de Faro. Luís Esteves perdeu na Ronda 2 e João Ventura chegou à segunda fase das meias-finais (baterias ‘man-on-man’), concluindo a prova em 3º lugar.

O pelotão da frente foi composto por Ivan Bailote (Albufeira Surf Clube), Paulo Almeida (Imortal Surf Academy) e Marlon Lipke (Algarve Surf Clube). Os três são competidores habituais no circuito nacional Open (Liga Meo Surf). Marlon Lipke já esteve no WCT e foi Campeão Europeu em 2012. É atleta do circuito mundial de qualificação e no fim-de-semana passado fez 3º lugar na etapa de abertura da Liga Meo Surf 2017, na Ericeira.

Paulo Almeida chegou às meias-finais 'man-on-man', na foto, e assumiu a liderança do 'ranking' regional (®PauloMarcelino)

Paulo Almeida chegou às meias-finais ‘man-on-man’, na foto, e assumiu a liderança do ‘ranking’ regional (®PauloMarcelino)

Ivan Bailote chegou à final depois de eliminar João Ventura na meia-final ‘man-on-man’, invertendo a ordem pela qual os dois se haviam apurado na meia-final a quatro. Paulo Almeida bateu-se com Marlon Lipke nessas duas fases e ficou sempre atrás do principal ‘cabeça-de-série’. Paulo Almeida concluiu a prova em 3º lugar e assumiu a liderança do ‘ranking’ Open no Circuito Regional de Surf do Sul 2017, depois de ter vencido a etapa anterior e ter feito 2º lugar na prova inaugural, na Praia da Rocha.

A final entre Ivan Bailote e Marlon Lipke foi renhida. Ivan perdeu com duas notas na casa dos seis pontos. Marlon ficou com uma segunda nota inferior, mas valeu-lhe a boa onda de 7,67 pontos para garantir a vitória. Foi a melhor onda do campeonato, ‘ex-aequo’ com outra igual que tinha feito nos quartos-de-final.

Marlon Lipke fez a melhor onda do campeonato… por duas vezes: 7,67 na final e nos quartos-de-final, na imagem (®PauloMarcelino)

Marlon Lipke fez a melhor onda do campeonato… por duas vezes: 7,67 na final e nos quartos-de-final, na imagem (®PauloMarcelino)

“Estou contente. Esforcei-me bastante para chegar à final e foi por pouco”, comentou Ivan Bailote, ao Swell-Algarve. Marlon Lipke também estava satisfeito, mas a Praia de Faro tem para ele magia mais forte que a vitória. “É sempre bom vir cá e recolher memórias. Lembro-me que quando era puto vinha cá com os meus pais. Lembro-me de um dia com altas ondas, a primeira vez que vi o potencial de Faro. Era miúdo. O meu pai era amigo do Necas e comprou a ele a primeira longboard”, recordou Marlon.

Manuel 'Necas' Mestre e os dois finalistas, à direita, Marlon Lipke e Ivan Bailote (®PauloMarcelino)

Manuel ‘Necas’ Mestre e os dois finalistas, à direita, Marlon Lipke e Ivan Bailote (®PauloMarcelino)

Antes das meias-finais ‘man-on-man’ masculinas foi disputada a final direta feminina por Inês Martins (Clube de Surf de Faro), Inês Pascoal (Imortal Surf Academy) e Maria Rosário (Portimão Surf Clube). A local Inês Martins, 4ª no ‘ranking’ regional Surf Open Feminino 2016, conseguiu encontrar as melhores soluções e venceu a bateria. Inês Pascoal, 3ª no ‘ranking’ do ano passado, fez 2º lugar na final. Maria Rosário, atleta pouco experiente e praticante mais assídua de longboard, foi terceira.

Inês Pascoal lidera o ‘ranking’ regional Open Feminino, depois de ter feito 3º lugar na etapa anterior, em Quarteira-Vilamoura. Inês Martins estreou-se no regional deste ano com a vitória na sua praia e igualou Yolanda Hopkins na vice-liderança do ‘ranking’. Não houve competição Open Feminino na primeira etapa, em Portimão.

Inês Martins na final Feminino, que venceu (®PauloMarcelino)

Inês Martins na final Feminino, que venceu (®PauloMarcelino)

A 4ª etapa (última) CRSSul 2017 está prevista para maio, no concelho de Aljezur e vai ser organizada pelo Portimão Surf Clube. Os campeões regionais em todas as categorias Esperanças já estão decididos (ver notícia), mas estão ainda em jogo as restantes vagas Sul por categorias no Campeonato Nacional de Surf Esperanças 2017 e os títulos regionais Longboard, Open Masculino e Open Feminino.

Finais Open CRSSul 2017 | Praia de Faro

Pódio Open completo: Marlon Lipke (1º), Ivan Bailote (2º) e Paulo Almeida e João Ventura, 3ºs (®PauloMarcelino)

Pódio Open completo: Marlon Lipke (1º), Ivan Bailote (2º) e Paulo Almeida e João Ventura, 3ºs (®PauloMarcelino)

Open

1. Marlon Lipke (AlgarveSC) | 13,33 pts

2. Ivan Bailote (AlbufeiraSC) | 12,40 pts

Pódio Feminino incompleto: Maria Barbosa e Inês Pascoal, com prancha (®PauloMarcelino)

Pódio Feminino incompleto: Maria Rosário e Inês Pascoal, com prancha (®PauloMarcelino)

Feminino (final direta)

1. Inês Martins (CSFaro)

2. Inês Pascoal (ImortalSA)

3. Maria Rosário (PortimãoSC)

Links:

Etapa 3 | Open + Open Feminino | Imagens-Pictures

Etapa 3 | Esperanças | Video

Etapa 3 | Esperanças | Imagens-Pictures

Etapa 3 CRSSul 2017 (Faro) | Esperanças

Etapa 2 CRSSul 2017 (Quarteira – Vilamoura) | Dia 2

Etapa 2 CRSSul 2017 (Quarteira-Vilamoura) | Dia 1

Etapa 1 CRSSul 2017 (Portimão) | 11 fevereiro

Comentários