pub

Circuito mundial de bodyboard | Sintra Portugal Pro | Dia 2

Tomás Rosado Chega às Meias-Finais Projunior

Tomás Rosado está a fazer, em Sintra, a sua estreia no mundial de bodyboard (®Fisiorider/FilipeCosta)
Tomás Rosado está a fazer, em Sintra, a sua estreia no mundial de bodyboard (®Fisiorider/FilipeCosta)
pub

Tomás Rosado (Associação de Bodyboard de Sagres) apurou-se hoje para as meias-finais da divisão Projunior no Sintra Portugal Pro 2016, etapa do circuito mundial de bodyboard APB World Tour. O bodyboarder Sub-16 algarvio está a fazer a sua estreia absoluta em provas do mundial. Pior esteve Gonçalo Pinheiro (ABS), que foi eliminado na Ronda 3 Masculino, esta quarta-feira, 14 de setembro, segundo dia de prova na Praia Grande.

A Associação de Bodyboard de Sagres tem três atletas em prova no Sintra Portugal Pro 2016: Joana Schenker (Feminino), Gonçalo Pinheiro (Masculino) e Tomás Rosado (Projunior). O jovem Tomás Rosado estreou-se ontem, com 2º lugar na sua bateria da Ronda 1, que lhe deu o apuramento para os quart-sde-final.

Hoje, Tomás Rosado (12,15 | 5,65+6,50) venceu a sua bateria nos quartos-de-final Projunior, disputada por quatro portugueses. O algarvio foi o atleta que menos ondas fez (3), mas foram suficientes para vencer a bateria. André Rodrigues fez uma onda de 7 pontos, mas não conseguiu um ‘backup’ capaz de superar a pontuação de Tomás Rosado. Ficaram eliminados Isaac Moreira (3º) e Pedro Viegas (4º).

“Estes dois heats foram difíceis, o mar está complicado e é difícil apanhar as boas. Mas estou feliz por ter passado e agora é surfar o melhor possível na meia-final“, disse Tomás Rosado, ao Swell-Algarve.

Gonçalo Pinheiro, que já disputou este ano etapas do mundial no estrangeiro, falhou na Ronda 3 Masculino o acesso direto à Ronda 5. O bodyboarder algarvio até começou bem o dia, com uma vitória na sua bateria da Ronda 2, mas quebrou o ritmo e perdeu na Ronda 3, em 3º na bateria, a precisar de uma onda de 6,26 pontos para seguir em frente. A bateria foi ganha pelo sul-africano Ian Campbell.

O algarvio Gonçalo Pinheiro vai agora lutar na Ronda 4, contra Dave Hubbard e Tó Cardoso, por um lugar na Ronda 5.

Joana Schenker, bicampeã nacional e europeia em título, ainda não se estreou no Sintra Portugal Pro 2016. A competição feminina poderá começar amanhã, quinta-feira 15 de setembro, mas a algarvia só irá começar a competir na Ronda 2, numa bateria em que também já tem lugar marcado a japonesa Sari Ohhara.

Todos os portugueses em prova falharam o acesso direto à Ronda 5, não conseguindo vencer as suas baterias na Ronda 3. António Cardoso, Dino Carmo, Silvano Lourenço, Gonçalo Pinheiro, Ricardo Rosmaninho, Hugo Pinheiro, Simão Monteiro e Daniel Fonseca vão estar em ação na Ronda 4. Nesta ronda, os dois primeiros lugares de cada bateria permitem passar à Ronda 5 e na luta pelos passaportes vão estar também os ‘top riders’ Dave Hubbard, Pierre Louis Costes e Amaury Lavernhe. O Campeonato continua até domingo.

Comentários