pub

Allianz Ericeira Pro by Dakine | Dia 1

Algarvios Resistem em Ribeira D’Ilhas

Marlon Lipke em ação na Ronda 1 na Ericeira. Na Ronda 2 vai defrontar o amigo Gony (®polyya)
Marlon Lipke em ação na Ronda 1 na Ericeira. Na Ronda 2 vai defrontar o amigo Gony (®polyya)
pub

A Liga Moche 2016 começou esta sexta-feira com um dia de ondas fortes em Ribeira D’Ilhas. O Allianz Ericeira Pro by Dakine pôs à prova a perícia dos melhores surfistas portugueses em ondas de metro e meio fortemente batidas pelo vento. Os melhores confirmaram o seu estatuto num dia preenchido pela Ronda 1 Masculina. A principal surpresa na ‘armada algarvia’ foi a eliminação precoce de Miguel Mouzinho (Algarve Surf Clube).

O Algarve tinha 10 atletas inscritos no ‘Heat Draw’ do quadro masculino. Luca Carlisle, que iria fazer a sua estreia pelo Albufeira Surf Clube, não compareceu. Jakob Lilienweiss (Algarve Surf Clube) e Miguel Marinho (Albufeira Surf Clube) foram eliminados em 3º nas respetivas baterias, ambas com mais algarvios na água em simultâneo. Fizeram 33º lugar na prova.

O experiente Miguel Mouzinho foi a surpresa algarvia do dia. O surfista de Lagos perdeu em 4º na sua bateria e concluiu a etapa em 49º lugar. Miguel Mouzinho não se encontrou com o mar exigente em Ribeira D’Ilhas e perdeu sem fazer ondas no último minuto e meio da bateria, numa altura em que tinha a primeira prioridade. Nessa mesma bateria, o jovem Dylan Groen apanhou uma onda a 5 segundos da buzina, sem prioridade, e ‘saltou’ de 3º para 1º.

08d070e5-8dc6-45bc-92d1-80e4fa2b2237

Palco da 1ª Etapa Liga Moche 2016 (®PedroMestre)

Eduardo Fernandes (Algarve Surf Clube) apurou-se para a ronda seguinte com uma vitória na sua bateria da Ronda 1. Na próxima ronda, Edu vai ter uma missão mais difícil, contra João Guedes, Gonçalo Fragoso e João Moreira.

Marlon Lipke (Algarve Surf Clube) entrou na bateria inaugural do evento e avançou em 2º, atrás de Luís Perloiro. Na Ronda 2, Marlon vai competir contra o seu bom amigo e sócio Gony Zubizarreta, na segunda bateria da ronda, também com Pedro Barros e Pedro Coelho.

Frederico ‘Martim’ Magalhães (Clube Naval de Portimão) apurou-se com ondas fracas, em 2º lugar numa bateria ganha por Pedro Coelho com autoridade. Francisco Duarte (CNPortimão) também avançou em 2º, atrás do poderoso Vasco Ribeiro, autor da 2ª melhor pontuação do dia (16,50 | 9,00+7,50). Nessa mesma bateria foi eliminado o veterano algarvio Miguel Marinho (Albufeira Surf Clube).

Ondas exigentes hoje em Ribeira D'Ilhas (®PedroMestre)

Ondas exigentes hoje em Ribeira D’Ilhas (®PedroMestre)

Na Ronda 2 Masculina, Francisco Duarte vai encontrar Tomás Fernandes, Pedro Henrique e Francisco Almeida, na 6ª bateria da ronda. Frederico ‘Martim’ Magalhães vai estar na primeira bateria da ronda, contra Luís Perloiro, João Kopke e Filipe Jervis. Será a primeira bateria assim que for retomada a ação no Quadro Masculino.

Paulo Almeida (Portimão Surf Clube) manteve-se em prova graças a uma onda feita quase no fecho da sua bateria e que lhe deu o 2º lugar de apuramento. Na Ronda 2, Paulo Almeida vai defrontar o seu amigo Ivan Bailote (Albufeira Surf Clube), que também se apurou em 2º na Ronda 1, eliminando Jakob Lilienweiss.

O confronto entre os amigos algarvios ‘Paulinho’ e Ivan está marcado para a quarta bateria da Ronda 2 Masculina… onde também vão estar Tiago Pires e Guilherme Fonseca.

Destaques do Dia 1

João Guedes, 14º no ranking da Liga MOCHE 2015, foi o autor da melhor pontuação do dia, 17,10 pontos, num heat onde estavam ainda Henrique Pyrrait, Tomás Ribeiro e António Rodrigues. “A bateria correu-me bastante bem. Confesso que no início estava bastante nervoso porque este é o meu primeiro campeonato do ano e hoje é um dia em que não é fácil escolher as melhores ondas. Mas concentrei-me na estratégia que tinha delineado antes do heat e correu tudo bem. É um resultado que me dá confiança para as próximas fases mas não vou lançar os foguetes antes da festa” analisa o surfista do Porto.

Algumas notas excelentes valorizaram o espetáculo de surf desta sexta-feira (®PedroMestre)

Algumas notas excelentes valorizaram o espetáculo de surf desta sexta-feira (®PedroMestre)

José Ferreira, 5º classificado do ranking da Liga MOCHE 2015, foi o autor da melhor onda da prova até ao momento, 9.5 pontos, no último heat do dia. O surfista de Cascais disse que “Senti-me muito bem. Tive de me adaptar às ondas porque o mar estava um pouco aos saltos, mas consegui adaptar-me bem. Fiz o 9,5 logo na terceira onda e esta é uma nota de que me dá confiança. Aqui em Ribeira D’Ilhas, quando começo um campeonato a fazer logo notas altas, costuma ser bom sinal” antecipa.

Vasco Ribeiro, 3º classificado do ranking da Liga MOCHE 2015, também mostrou bom surf, conseguindo uma pontuação de 16,5 pontos, a segunda melhor do dia: “Ontem foi a primeiro vez que surfei em Ribeira D’Ilhas desde que cheguei de uma viagem de treino há dois dias. Ribeira D’Ilhas é uma onda que não muda muito e por isso senti-me bem. Aproveitei para experimentar uma prancha um bocadinho maior para conseguir trabalhar manobras mais críticas”.

Ainda em evidência no primeiro dia de prova estiveram Eduardo Fernandes, Pedro Coelho, Henrique Pyrrait e Tiago Pires.

Para Sábado, dia 19, está marcado o reinício da prova para as 8h00, estando prevista a realização da segunda e terceira rondas masculinas e a primeira ronda feminina.

Comentários