pub

Circuito Regional de Surf do Sul 2016 | Etapa 1

Regional Começa com 128 Surfistas na Falésia

Diogo Pereira na onda de 7.50 pontos na final Sub-14. Surfista de Portimão foi o mais forte do dia na Falésia (®PauloMarcelino)
Diogo Pereira na onda de 7.50 pontos na final Sub-14. Surfista de Portimão foi o mais forte do dia na Falésia (®PauloMarcelino)
pub

O Circuito Regional de Surf do Sul 2016 começou esta segunda-feira, 8 de fevereiro, com 128 surfistas inscritos na 1ª Etapa, na praia da Falésia, Vilamoura, organizada por Quarteira Surf Project/Associação Dinamika, com o apoio da Federação Portuguesa de Surf. Destacaram-se no primeiro dia Diogo Pereira (Iate Clube Marina de Portimão), com uma vitória autoritária em Sub-14; Henrique Gomes (Portimão Surf Clube), com presenças nas finais Sub-12 e Sub-14; e Isaac Felizardo (Iate Clube Marina de Portimão), que venceu o veterano Manuel Mestre (Clube de Surf de Faro) na final Longboard.

O primeiro dia do CRSSul 2016 foi uma autêntica maratona de surf na Praia da Falésia, com competição ininterrupta e durante um bom período com dois palanques em simultâneo, das nove da manhã às seis da tarde. O mar esteve pequeno e deu poucas oportunidades aos surfistas, com excepção da meia maré da parte da manhã, que ainda produziu algumas séries mais interessantes.

Fisioterapeuta Filipe Costa, da Fisiorider, a aquecer os surfistas, incluindo Henrique Gomes, de amarelo, um dos atletas em destaque esta segunda-feira (®PauloMarcelino)

Fisioterapeuta Filipe Costa, da Fisiorider, a aquecer os surfistas, incluindo Henrique Gomes, de amarelo, um dos atletas em destaque esta segunda-feira (®PauloMarcelino)

Os circuitos regionais de surf são plataformas de apuramento para o Campeonato Nacional de Surf Esperanças e por isso incluem seis categorias oficiais, nas quais os atletas participantes têm obrigatoriamente de estar federados: Sub-12, Sub-14, Sub 16 (Masculino e Feminino) e Sub-18 (Masculino e Feminino). A etapa na Praia da Falésia tem quatro categorias extra: Sub-10, Open (Masculino e Feminino) e Longboard.

Esta segunda-feira ficou concluída a competição nas categorias Sub-10, Sub-12, Sub-14 e Longboard. As categorias Sub-16 Masculino e Sub-18 Masculino avançaram até às meias-finais, ainda por disputar. A maior surpresa no primeiro foi a eliminação ‘de primeira’ de António Silveira (Clube Naval de Portimão) no Sub-18 Masculino. As meninas (Sub-16 Feminino, Sub-18 Feminino e Open Feminino) ainda não se estrearam e o Open Masculino, com 32 atletas inscritos, também não começou segunda-feira.

Estrutura instalada pelo Quarteira Surf Project na Praia da Falésia, para a 1ª Etapa CRSSul 2016 (®PauloMarcelino)

Estrutura instalada pelo Quarteira Surf Project na Praia da Falésia, para a 1ª Etapa CRSSul 2016 (®PauloMarcelino)

A definição das baterias feita pela Federação Portuguesa de Surf sofreu alterações ao longo do dia, sobretudo nas categorias Sub-18 Masculino, Open Masculino, com alguns atletas a queixarem-se da falta do critério do ‘seeding’ também no Longboard.

Terça-feira, segundo dia da etapa, será preenchido com o que falta concluir, esperando-se mar maior para ver em ação a grande maioria dos melhores surfistas algarvios. A ação na praia da Falésia irá começar às 08h00.

Francisco Duarte, Jakob Lilienweiss, Francis Gregório e 'Martim' Magalhães ainda não se estrearam na etapa (®PauloMarcelino)

Francisco Duarte, Jakob Lilienweiss, Francis Gregório e ‘Martim’ Magalhães ainda não se estrearam na etapa (®PauloMarcelino)

Segunda-feira foi o dia dos mais novos. Muitos pais estiveram hoje na Praia da Falésia, a acompanhar os seus filhos numa verdadeira demonstração de futuro para o surf algarvio. Na categoria Sub-10, o grande vencedor foi Martim Brandão (Albufeira Surf Clube), sobrinho do conhecido surfista Ivan Bailote. Mas esta foi uma categoria onde também se mostraram alguns valores da nova geração agora treinada pelo veterano Sérgio Brandão, do Algarve Surf Clube.

Nos Sub-12, o jovem Splinter (Algarve Surf Clube), um dos novos surfistas ‘nas mãos’ do carismático Sérgio Brandão, deu nas vistas e foi o surfista da região que melhor pontuou para o ‘ranking’ de apuramento nacional. A final na categoria foi ganha por Pedro Ulrich, da Surf Lisbon Formação, que tem um grupo de jovens surfistas em estágio e aproveitou para os ‘rodar’ em competição na 1ª Etapa do CRRSul 2016.

Pedro Ulrich está em estágio com a Surf Lisbon Formação em Lagos e foi à Falésia vencer em Sub-12 (®PauloMarcelino)

Pedro Ulrich está em estágio com a Surf Lisbon Formação em Lagos e foi à Falésia vencer em Sub-12 (®PauloMarcelino)

Henrique Gomes (Portimão Surf Clube) foi o surfista mais esforçado no final do dia. ‘Piki’, como é conhecido, fez dois pares de baterias consecutivas, com um intervalo de uma única bateria. Fez meias-finais e finais Sub-12 e Sub-14, amealhando pontos importantes na luta pelo apuramento para o Nacional de Esperanças.

Diogo Pereira (Iate Clube Marina de Portimão) foi, talvez, o surfista mais forte do dia na praia da Falésia. O atleta treinado pela escola de surf Playsurf, da Praia da Rocha, dominou com autoridade na categoria Sub-14, vencendo todas as baterias em que participou na categoria. Fez uma onda de 7,25 pontos na sua bateria dos quartos-de-final e fez na final uma das melhores, se não mesmo a melhor onda do dia: 7,50 pontos. Diogo Pereira triunfou em Sub-14 e está ainda em competição nas meias-finais Sub-16.

Isaac Felizardo, à procura do 'hang five' que a 'moleza' das ondas não permitia. Surfista de Portimão venceu a final Longboard (®PauloMarcelino)

Isaac Felizardo, à procura do ‘hang five’ que a ‘moleza’ das ondas não permitia. Surfista de Portimão venceu a final Longboard (®PauloMarcelino)

Fase emocionante da jornada de surf na Praia da Falésia foram as meias-finais e a final Longboard. Desde logo pelo regresso à competição regional do veterano e carismático Manuel Mestre, ‘Necas’ (Clube de Surf de Faro), que tinha anunciado a sua retirada do circuito há dois anos. Manuel Mestre disse ao Swell-Algarve que regressou ao regional por causa do filho, José Mestre.

José Mestre não foi feliz na praia da Falésia e perdeu ‘de primeira’, na meia-final em que se apuraram Manuel Mestre (1º) e Inês Martins (2º), também do Clube de Surf de Faro. Na outra meia-final, Octávio Lourenço (Albufeira Surf Clube) faltou à chamada e Isaac Felizardo (Iate Clube Marina de Portimão) venceu com facilidade. Apurou-se também nessa meia-final Daniela Campos (Quarteira Surf Project), uma cara nova no Longboard algarvio.

Marcação de Manuel Mestre a Isaac Felizardo na final Longboard (®PauloMarcelino)

Marcação de Manuel Mestre a Isaac Felizardo na final Longboard (®PauloMarcelino)

A final Longboard foi emocionante. Manuel Mestre não conseguiu encontrar ondas para capitalizar o favoritismo que sobre ele recaía. Isaac Felizardo foi pontuando e aumentando a pressão sobre Manuel Mestre, que recorreu mesmo a tática apertada de marcação ao jovem de Portimão, para tentar inverter o sentido da bateria. Não conseguiu desconcentrar o adversário e Isaac acabou mesmo por vencer a etapa.

Finais 1ª Etapa CRRSul 2016 | Dia 1 – Praia da Falésia (Vilamoura)

Pódio Sub-14 (®PauloMarcelino)

Pódio Sub-14 (®PauloMarcelino)

Sub-14 (oficial)

1. Diogo Pereira (ICMPortimão)

2. Leon Schneider (PortimãoSC)

3. Valentino Miguel (CNPortimão)

4. Henrique Gomes, ‘Piki’ (PortimãoSC)

Pódio Sub-12 (®PauloMarcelino)

Pódio Sub-12 (®PauloMarcelino)

Sub-12 (oficial)

1. Pedro Ulrich (Surf Lisbon Formação)

2. Splinter (AlgarveSC)

3. Henrique Gomes, ‘Piki’ (PortimãoSC)

4. Noah Campos (QuarteiraSP)

Pódio Sub-10 (®PauloMarcelino)

Pódio Sub-10 (®PauloMarcelino)

Sub-10 (extra)

1. Martim Brandão (AlbufeiraSC)

2. Salvador Catarino (AlgarveSC)

3. Ricardo Eusébio (AlgarveSC)

4. Louis Escudeiro (PortimãoSC)

Pódio Longboard (®PauloMarcelino)

Pódio Longboard (®PauloMarcelino)

Longboard

1. Isaac Felizardo (ICMPortimão)

2. Manuel Mestre, ‘Necas’ (CSFaro)

3. Inês Martins (CSFaro)

4. Daniela Campos (QuarteiraSP)

 

Comentários