pub

APB World Tour | 2015 Sintra Portugal Pro | Dia 3

Dia Negro para os Algarvios em Sintra

Joana Schenker, Campeã Nacional e Europeia, foi eliminada na Ronda 4 Feminino, depois de já ter tido um mau resultado na Ronda 3, também esta quinta-feira (®APB)
Joana Schenker, Campeã Nacional e Europeia, foi eliminada na Ronda 4 Feminino, depois de já ter tido um mau resultado na Ronda 3, também esta quinta-feira (®APB)
pub

Esta quinta-feira, 24 de setembro, foi negativa para os dois atletas da Associação de Bodyboard de Sagres em prova no 2015 Sintra Portugal Pro, etapa do circuito mundial de bodyboard APB World Tour, que decorre até domingo, na Praia Grande, em Sintra. Gonçalo Pinheiro foi eliminado na Ronda 4 Open (masculino). Joana Schenker ficou em último lugar na sua bateria da Ronda 3 Feminino e foi depois eliminada na Ronda 4.

“O heat correu-me mal. Tentei um ‘backflip’ na minha primeira onda e falhei. Se tivesse acertado passava o heat”, comentou Gonçalo Pinheiro, para o Swell-Algarve. O jovem bodyboarder algarvio foi eliminado esta manhã, em 3º na sua bateria da Ronda 4 Open e com condições difíceis no mar.

O mar na Praia Grande não ofereceu durante a manhã muitas oportunidades e a primeira onda escolhida por Gonçalo Pinheiro foi uma das raras gemas disponíveis. Se tivesse acertado o ‘backflip’, o algarvio teria uma nota – talvez – na casa dos 6 pontos, o que lhe daria vantagem na luta pelo apuramento para a ronda seguinte.

Resultados do 'heat' com Gonçalo Pinheiro na Ronda 4 Open (®screenshot)

Resultados do ‘heat’ com Gonçalo Pinheiro na Ronda 4 Open (®screenshot)

“Foi o meu melhor resultado no circuito mundial este ano. Dei sempre o meu máximo aqui em Sintra. A única vez que vacilei, perdi”, comentou Gonçalo Pinheiro, que ainda esta quinta-feira deve viajar até à Nazaré, para se ambientar á Praia do Norte, onde vai decorrer a próxima etapa do APB World Tour, a partir de terça-feira, 29 de setembro.

As fracas condições para a prática do surf, esta manhã, na Praia Grande causaram a grande surpresa do dia no quadro masculino; a eliminação do campeão do mundo e líder do ‘ranking’ mundial, Amaury Lavernhe, da Ilha Reunião (França). Tal como Gonçalo Pinheiro, o campeão do mundo também perdeu em 3º na Ronda 4 Open.

Hugo Pinheiro e Nicolas Rosner foram também eliminados na Ronda 4 Open. Apenas dois portugueses chegaram à Ronda 5 Open: Manuel Centeno e Ricardo Rosmaninho.

Joana Eliminada à Segunda Derrota

Joana Schenker entrou na água ao final da manhã, numa altura em que a maré estava muito cheia e tornava ainda mais difícil a procura de ondas com potencial. A atleta algarvia, Campeã de Portugal e da Europa em título, não se encontrou com o mar na Praia Grande durante o seu ‘heat’ da Ronda 3 Feminino.

Durante 20 minutos de pouca ação na água, Joana Schenker não encontrou as ondas certas e concluiu a bateria em 4º lugar, com uma pontuação invulgarmente baixa (7,20 pontos). A bateria foi ganha pela chilena Anais Velis, 5ª classificada no ‘ranking’ mundial, que passou para a Ronda 5. A campeã do mundo e atual líder do ‘ranking’ mundial feminino, Alexandra Rinder, das Ilhas Canárias, foi 2ª classificada na bateria.

'Heat' com Joana Schenker na Ronda 3 Feminino, de manhã, sem eliminação (®screenshot)

‘Heat’ com Joana Schenker na Ronda 3 Feminino, de manhã, sem eliminação (®screenshot)

Na Ronda 4 Feminino, já no período da tarde, Joana Schenker voltou a encontrar a campeã do mundo, Alexandra Rinder, num ‘heat’ em que participou também a ‘rockie’ brasileira Priscila Medeiros. O mar estava melhor, mas não o suficiente para motivar a bodyboarder algarvia, que fez apenas duas ondas e perdeu em 3º, apesar de ter feito uma nota 6,25 pontos.

A ‘rockie’ brasileira Priscila Medeiros venceu a bateria, com a campeã do mundo em 2º lugar. Ambas avançaram para a Ronda 5, onde já estava a portuguesa Catarina Sousa, depois de ter vencido a sua bateria na Ronda 3.

Resultados do 'heat' em que Joana Schenker foi eliminada, na Ronda 4 Feminino (®screenshot)

Resultados do ‘heat’ em que Joana Schenker foi eliminada, na Ronda 4 Feminino (®screenshot)

Marta Leitão venceu a sua bateria na Ronda 4 e avançou também para a Ronda 5 Feminino. A portuguesa venceu o ‘heat’ em que ficou eliminada a brasileira Neymara Carvalho, que assim ficou de fora da luta pelo título mundial. A ‘corrida’ ao título mundial feminino vai ser decidida na Nazaré, entre duas candidatas: Alexandra Rinder e Isabela Sousa, brasileira 2ª classificada no ‘heat’ ganho por Marta Leitão.

Teresa Almeida conseguiu também chegar à Ronda 5, depois de esta tarde ter sido 2ª classificada no seu ‘heat’ da Ronda 4 Feminino. .

Comentários