pub

Final com três algarvios

Basile Belime Campeão Universitário

Três dos quatro finalistas no Campeonato Nacional Universitário de Surf 2015 foram surfistas do Algarve (®fadu)
pub

O algarvio Basile Belime venceu o Campeonato Nacional Universitário de Surf, em Ribeira d’Ilhas, Ericeira, nos dias 4 e 5 de Julho, numa final masculina com três atletas ligados ao Algarve Surf Clube na água. Basile iniciou o campeonato na fase de pré-trials e impôs-se ao campeão do ano passado, o local Edgar Nozes, vice-campeão este ano. Os algarvios Tomás Alcobia e Paul Grey foram, respectivamente, 3º e 4º classificados. A surfista profissional Carina Duarte conquistou o título feminino, sucedendo à algarvia Inês Martins, que este ano não participou no campeonato por estar a recuperar de uma cirurgia.

Basile Belime tem 20 anos de idade e é estudante de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores no Instituto Superior Técnico, em Lisboa. “O campeonato correu-me muito bem. Passei meses sem surfar e, fisicamente, não me sentia preparado. Quando vi que entrava nos pre-trials e tinha de passar três heats para chegar aos oitavos-de-final – que era onde entravam os que já tinham ranking – pensei logo que as minhas pernas não iam aguentar tantos heats”, disse Basile Belime, ao Swell-Algarve.

O estudante algarvio venceu os seu ‘heats’ nas duas fases de pré-trials (fase para atletas inscritos após o sorteio inicial). A fase seguinte, trials, foi composta por dois únicos ‘heats’, ganhos por algarvios: Basile Belime venceu um e Tomás Alcobia (Universidade do Algarve) venceu o outro, conquistando a entrada no quadro principal (a partir dos oitavos-de-final), onde já estavam colocados outros dois algarvios, Paul Grey (Universidade Nova de Lisboa) e André Lang.

Paul Grey foi formado no Algarve Surf Clube, treinado por Sérgio Brandão. André Lang é atleta federado pelo Algarve Surf Clube. No entanto e tal como todos os competidores no Campeonato Universitário, os atletas representaram nessa prova as respetivas universidades.

Tomás Alcobia tinha anunciado a vitória no Campeonato Universitário como um dos objetivos da época (®PauloMarcelino/Arquivo/PraiaFaro/Mar2015)

Tomás Alcobia tinha anunciado a vitória no Campeonato Universitário como um dos objetivos da época (®PauloMarcelino/Arquivo/PraiaFaro/Mar2015)

André Lang (Universidade do Algarve) venceu o seu ‘heat’ nos oitavos-de-final e perdeu em 4º nos quartos-de-final, concluindo o campeonato nacional em 13º lugar. “Tivemos muito boas ondas no primeiro dia (sábado 4 de Julho), quase metro e meio, muito consistente e sem vento”, recorda Basile Belime. Foi um dia de surf espetacular, durante o qual Tomás Alcobia obteve a nota mais elevada para uma onda e Basile Belime alcançou o segundo melhor ‘score’ (pontuação combinada de duas ondas). Os dois surfistas algarvios receberam convites para o Sumol Summer Fest, oferecidos pela Sumol, patrocinadora do campeonato universitário, pelos bons resultados de sábado.

Basile Belime e Tomás Alcobia venceram os respectivos ‘heats’ nos oitavos-de-final e Paul Grey avançou em 2º no seu ‘heat’. Nos quartos-de-final, Basile e Paul apuraram-se no mesmo ‘heat’, respectivamente, em 1º e 2º. Tomás Alcobia avançou em 2º, atrás de Edgar Nozes, num heat que foi o primeiro embate entre o algarvio e o campeão 2014.

Nas meias-finais, Basile e Paul voltaram a apurar-se no mesmo ‘heat’ e da mesma forma (Basile 1º e Paul 2º). Tomás Alcobia e Edgar Nozes voltaram a encontrar-se na outra meia-final, mas com resultado diferente da ronda anterior: o algarvio venceu a meia-final e Edgar Nozes avançou em 2º.

Basile Belime é o novo campeão universitário. Recordamos do atleta a final regional  épica no Kanguru, Arrifana, que venceu em 2012 (PauloMarcelino/Arquivo/Arrifana/2012)

Basile Belime é o novo campeão universitário. Recordamos do atleta a final regional épica no Kanguru, Arrifana, que venceu em 2012 (PauloMarcelino/Arquivo/Arrifana/2012)

A final do Campeonato Nacional Universitário de Surf 2015 foi disputada por três surfistas algarvios, domingo 5 de Julho, dia em que se sentiu mais vento e o mar ‘caiu muito’ em relação a sábado, oferecendo menos oportunidades.

“A final começou um pouco mal para mim, não encontrei ondas boas durante o heat quase todo e só no fim é que consegui apanhar duas ondas mais pequenas e passar para primeiro”, recordou Basile Belime, para o Swell-Algarve. “Na final caí sempre na última manobra. Devia ter levado outra prancha”, comentou Tomás Alcobia, que em Março estabelecera como um dos objectivos para a época a vitória no Campeonato Nacional Universitário, prova que nunca tinha disputado.

Chegar à final de uma competição que iniciou em pré-trials foi em si um feito que deixou “muito contente” Basile Belime. “Ganhar foi a cereja no topo do bolo”, conclui o surfista algarvio.

 

Campeões universitários de surf 2015

Masculino: Basile Belime (Instituto Superior Técnico)

Feminino: Carina Duarte (Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril)

Equipas: Universidade Nova de Lisboa 

Comentários