pub

Liga MEO Surf 2018 | Renault Porto Pro

Melhores Surfistas Nacionais Regressam ao Norte

Vasco Ribeiro venceu no Porto em 2017, na imagem. Desde 2012, o vencedor da etapa nortenha acaba por conquistar o título nacional (®PedroMestre/ANSurfistas)

É já nos dias 4 a 6 de maio que a Liga MEO Surf vai até ao Norte do país para o Renault Porto Pro, a segunda etapa da principal competição do surf português que define os títulos de campeões nacionais masculino e feminino e que se disputa na Praia Internacional de Matosinhos.

Pelo 13.º ano consecutivo os melhores surfistas nacionais vão até à cidade Invicta e a expectativa é sempre alta, pois desde 2012 que, na prova masculina, o surfista que vence esta etapa acaba o ano como campeão nacional.

A Liga MEO Surf 2018 regressa assim à Praia Internacional, um ex-líbris do Norte de Portugal. É exactamente aqui que diariamente passam centenas de surfistas (nortenhos, mas também oriundos da Europa, Austrália e Estados Unidos da América) e operam 16 escolas de surf.

Inserido num vasto conjunto de eventos por ocasião do Wave Series 2018, o Renault Porto Pro é o pináculo de toda a ação.

Renault Porto Pro 2017 em números:
– Campeões da Etapa: Vasco Ribeiro e Teresa Bonvalot;
– 1197 ondas surfadas por 92 surfistas inscritos;
– Melhores ondas (máximo 10 pontos): 9,60 de Teresa Bonvalot (final) e 9,55 de Tiago Pires (meias-finais);
– Melhor pontuação (máximo 20 pontos): 17,25 de Teresa Bonvalot (final) e 17,25 de Gony Zubizarreta (meias-finais)

Francisco Rodrigues, presidente da Associação Nacional de Surfistas
“Para a ANS é sempre um prazer regressar com a Liga MEO Surf ao Norte do país. Ano após ano, o Porto tem conquistado o seu espaço no panorama do surf nacional e o Renault Porto Pro é já uma das etapas mais históricas e concorridas do circuito. Esta é também uma das etapas com maior adesão em termos de público, o que se torna num grande aliciante para todos, sobretudo surfistas. As expectativas são altas para aquele que é o 13.º ano consecutivo que a Liga vem ao Porto”.

Susana Doutor, do Marketing da Renault Portugal
“Os Captur Surf days estão de regresso! Pelo quarto ano consecutivo a Renault volta a apoiar o surf e todos os surfistas que participam na Liga nacional de surf. Queremos proporcionar às pessoas a experiência de fazer um surf test drive. Vamos ter um dos melhores surfistas em competição a convidar todos para, com ele, experimentar o Renault Captur, que está sempre preparado para encontrar a onda perfeita. Não é fácil chegar aos melhores spots de surf, e nada melhor que um crossover para o efeito. Vamos também continuar a premiar as melhoras manobras, nas Renault expression sessions, entre outras surpresas para quem se juntar a nós em Matosinhos nos dias 4,5 e 6 de Maio para o Renault Porto Pro”.

João Guedes, campeão nacional de 2009 e embaixador do surf nortenho
“É muito importante haver esta etapa no Porto, que não só é uma das maiores cidades do país, como é uma cidade com o surf cada vez mais presente. O surf é muito importante para os jovens e até já começam a surgir surfistas de segunda geração. A Praia de Matosinhos é um verdadeiro berçário do surf nortenho e esta etapa só ajuda na evolução do desporto na região. É uma etapa sempre com muita adesão de público e também surfistas. Tudo isto é bom para o surf, para o Norte e para a própria Liga MEO Surf”.

Salvador Couto, atual campeão sub-18 do Circuito de Surf do Norte
“Sinto-me confiante para esta próxima etapa, que se vai realizar no Porto. O meu objetivo principal é divertir-me e demonstrar bom surf. Estou motivado pois a praia está com bons fundos. Vou dar o meu melhor!”

Para além da competição principal, existem ainda outros sub-troféus em disputa, tais como:

– Renault Expression Session (melhor manobra por etapa)
– Somersby Onda do Outro Mundo (melhor onda por etapa)
– Moche Groms Cup (iniciativa da FPS e ANS incluindo bolsa desportiva)
Estes sub-troféus consideram, cada um deles, 2.500€/anuais, sendo que a premiação global da Liga MEO Surf 2018 é de 90.000€.

O Renault Porto Pro conta ainda com workshops e iniciativas laterais destinadas a um maior envolvimento de todos os agentes interessados no surf, numa lógica complementar à ação principal que se desenrola dentro de água. Assim sendo, as actividades previstas são:

– Limpezas de Praia: Ação da Fundação PT na 6ªfeira destinada às escolas dos Concelhos do Porto e Matosinhos
– Fotografia: Canon Workshop por Ricardo Bravo (ansurfistas.com/workshopricardo-bravo-by-canon)
– Fantasy Surfer: Equipas de surfistas em prova (fantasy.ansurfistas.com)
– Intervenção Terapêutica: presença da Wave by Wave (wavebywave.org)
– Shapers Talk: Workshop no Sábado sobre pranchas de surf conduzido pela Polen Surfboards.

As iniciativas da Fundação PT inserem-se numa lógica de preservação das praias, para além da promoção da educação e consciencialização ambiental, realizando-se em coordenação com a Plastic Sun Days, a Lixo Zero Portugal e o OPO’Lab.

No que toca ao Fantasy Surfer, o público poderá fazer as suas apostas com equipas do quadro masculino e feminino, habilitando-se a um relógio Rip Curl Search GPS e prémios da Polen Surfboards. O prazo de constituição das equipas encontra-se a decorrer até à hora do call para o primeiro dia de prova, sendo que os surfistas vão sendo disponibilizados à medida que se forem inscrevendo.

Todas as etapas da Liga MEO Surf têm transmissão em direto no canal televisivo MCS Extreme, em www.ligameosurf.pt e no Facebook do MEO, em complemento com as plataformas oficiais da Associação Nacional de Surfistas em www.ansurfistas.com e nas redes sociais @ansurfistas.

A Liga MEO Surf 2018 é uma organização da Associação Nacional de Surfistas e da Fire!, com o patrocínio do MEO, Renault, Allianz Seguros, Somersby, Moche, Rip Curl e das Câmaras Municipais do Porto e Matosinhos, a Fundação PT como parceira ambiental, e o apoio técnico da Federação Portuguesa de Surf.

Fonte: Nota de Imprensa Associação Nacional de Surfistas

Comentários