pub

1ª PAN Classe Hansa 2017/2018

Vela Solidária no Pódio Nacional em Leixões

Guilherme Ribeiro & Luís Ramalho na Barra do Porto de Leixões. Dupla de Portimão fez 2º lugar 303 na 1ª PAN Hansa da temporada (@VelaSolidaria)
pub

A tripulação Guilherme Ribeiro & Luís Ramalho, do projeto Vela Solidária, de Portimão, conquistou 2º lugar geral 303 Duplo na 1ª Prova de Apuramento Nacional Classe Hansa, disputada na Marina Porto Atlântico, em Leixões, nos dias 18 e 19 de março. A PAN de vela adaptada foi organizada pela ENVA – Escola Nacional de Vela Adaptada e CNL – Clube Naval de Leça, com o apoio da APCA – Associação Portuguesa da Classe Access, tendo sido inscritas 13 embarcações de 2.3 (solitário) e 5 de 303 em representação de cinco clubes.

A prova em Leixões ficou marcada pela falta de vento e vaga alta, com cerca de 2,5 metros, condições que impediram a realização de qualquer regata no primeiro dia, sábado 18 de março. No segundo dia, domingo as condições melhoraram, sobretudo, com a entrada de vento suave, na casa dos 6 a 7 ‘nós’.

A Vela Solidária participou na prova com duas tripulações formadas por velejadores federados através do Iate Clube Marina de Portimão e com o apoio logístico do Clube Naval de Portimão. De acordo com informação divulgada pela Vela Solidária, domingo foram realizadas três regatas. A dupla Guilherme Ribeiro & Luís Ramalho fez dois 2ºs e um 1º parciais e concluiu a prova em 2º na geral 303, atrás de Pedro Reis & Ana Cunha, do Clube Naval de Cascais.

O 3º lugar no pódio 303 foi alcançado por Domingos Cagembe & Mihail Bobnari, também do Naval de Cascais. Logo atrás, em 4º lugar geral terminou a outra tripulação da Vela Solidária / Iate Clube Marina de Portimão, formada por Noel Coelho e João Silva, que fez dois 4ºs e um 3º nas três regatas da prova.

A 2ª PAN da Classe está marcada para os dias 14 e 15 de abril na Nazaré, organizada pelo Clube Naval da Nazaré com a colaboração de CERCINA – Cooperativa de Ensino e Reabilitação de Crianças Inadaptadas da Nazaré.

Comentários