pub

Campeonato do Algarve de Vela Ligeira 2017/2018 | 2ª Prova

Prova Curta em Olhão por Excesso de Vento

Frota em Olhão foi mais curta que o habitual e só realizou duas regatas, por excesso de vento (®GNO)
pub

A 2ª Prova do Campeonato do Algarve de Vela Ligeira 2017/2018 realizou-se em Olhão, no fim-de-semana 27 e 28 de janeiro, organizada pelo Grupo Naval de Olhão e Associação Regional de Vela do Sul no âmbito do programa de comemorações do 79º aniversário do clube de Olhão. As condições de vento foram duras e apenas permitiram a realização de duas regatas durante os dois dias de prova. O Ginásio Clube Naval de Faro destacou-se nas Classes Laser Radial e Laser 4.7 e a Associação Naval do Guadiana nos Optimist, Infantis e Juvenis.

Vento muito forte no domingo não permitiu a realização de qualquer regata nesse dia. A frota em competição também foi mais curta que o habitual, pela ausência das Classes 420 e Formula Windsurfing (esta última já concluiu o seu campeonato regional) e pela falta de comparência de alguns atletas ‘cabeças de cartaz’ na Classe Optimist, que optaram por participar na última prova do troféu espanhol Optimist Excellence Cup 2017-2018, em Torrevieja (ver notícia).

A frota Optimist Juvenis, habitualmente a mais forte e competitiva, foi formada em Olhão por 44 barcos, mas apenas 29 competiram nas duas regatas realizadas. A vitória foi conquistada por Vladislav Bedlinskyy (Associação Naval do Guadiana), que concluiu o regional o ano passado em notório ascendente de forma e conseguiu em Olhão o seu segundo pódio da temporada, depois do 3º lugar na 1ª PAR Sul, em Lagos. Raquel Rodrigues (Clube de Vela de Lagos) estreou-se em vitórias, na divisão Feminino.

A velejar em casa, Julien Carter bem se esforçou, mas não conseguiu repetir a vitória na Classe 4.7 (®GNO)

A Associação Naval do Guadiana alcançou a vitória também em Optimist Infantis, por intermédio de Denys Yevstafiev, com um ponto de vantagem sobre Mick Dudek (Clube Naval de Portimão), vencedor da primeira prova nesta categoria. A melhor Infantil Feminino em Olhão foi Rita Loureiro (Clube Náutico de Tavira), 4ª na geral. O Náutico de Tavira tem uma boa ‘fornada’ de jovens atletas Feminino, como comprovam os 5º e 6º lugares geral Infantis alcançados em Olhão, respectivamente, por Leonor Lopes e Mariana Martins.

Na Classe Laser 4.7 repetiu-se o duelo entre Lúcia Neto (Ginásio Clube Naval de Faro) e Julien Carter (Grupo Naval de Olhão), desta feita com vantagem para a velejadora do clube de Faro. Julien Carter, que vencera a 1ª prova à frente da adversária, foi 2º classificado em Olhão. A Classe Laser Radial foi dominada pelo GCNFaro, com três atletas – Afonso Rodrigues, Cristóvão Gonçalves e Martim Fernandes – nos três lugares do pódio.

Pódios 2ª Prova Campeonato do Algarve 2017/2018 | Olhão

Optimist Juvenis (#44)

1. Vladislav Bedlinskyy (ANGuadiana) | 3 pts

2. Rodrigo Dias (CNPortimão) | 7 pts

3. Diogo Faustino (CNPortimão) | 7 pts

1º Feminino. Raquel Rodrigues (CVLagos) | 14 pts | 6º geral

Optimist Infantis (#21)

1. Denys Yevstafiev (ANGuadiana) | 4 pts

2. Mick Dudek (CNPortimão) | 5 pts

3. Jannis Tomáz (CVLagos) | 8 pts

1º Feminino. Rita Loureiro | 10 pts | 4º geral

Laser 4.7

1. Lúcia Neto (GCNFaro) | 3 pts | 1º Feminino

2. Julien Carter (GNOlhão) | 8 pts

3. Daniel Cristiano (CNPortimão) | 9 pts

Laser Radial

1. Afonso Rodrigues (GCNFaro) | 3 pts

2. Cristóvão Gonçalves (GCNFaro) | 7 pts

3. Martim Fernandes (GCNFaro) | 10 pts

1º Feminino. Daniela Miranda (ANGuadiana) | 10 pts | 4º geral

Links:

1ª Prova Campeonato Algarve 2017/2018 | Faro | Novembro

Comentários