pub

Campeonato Nacional de Surf Escolar 2017

Algarvios no Top Nacional Escolar

Comitiva algarvia em Matosinhos, no Campeonato Nacional de Surf e Bodyboard Escolar (®DR)
Comitiva algarvia em Matosinhos, no Campeonato Nacional de Surf e Bodyboard Escolar (®DR)
pub

Diogo Pereira, aluno do Agrupamento de Escolas Poeta António Aleixo, de Portimão, sagrou-se Campeão Nacional de Surf Escolar na categoria Iniciados. A comitiva algarvia no campeonato escolar em Matosinhos alcançou ainda dois lugares no pódio Surf Juvenis Masculinos, categoria na qual as quatro baterias de quartos-de-final foram ganhas por alunos do Algarve.

O Campeonato Nacional de Surf & Bodyboard Escolar 2016/2017 decorreu no âmbito dos Campeonatos Nacionais Escolares Juvenis 2017, em Gondomar, Maia e Matosinhos, nos dias 19 a 21 de maio. A prova de surf e bodyboard foi disputada durante o fim-de-semana, na Praia Internacional do Porto, Matosinhos, integrada no Matosinhos & Porto Wave Series 2017.

Diogo Pereira, à esquerda, no 1º lugar do Pódio Nacional Escolar Surf Iniciados Masculinos (®DR)

Diogo Pereira, à esquerda, no 1º lugar do Pódio Nacional Escolar Surf Iniciados Masculinos (®DR)

A Direção de Serviços Região Algarve (DSR Alg) esteve representada por seis alunos nas ondas – Diogo Pereira, Michael Conlan, Bruno Gregório, Henrique Poucochinho, Ricardo Augusto e Leon Schneider – e por dois alunos no corpo de juízes – Rafael Silva (Portimão) e Higor Bombardi (Silves Sul). A comitiva foi acompanhada pelas professoras Raquel Gonçalves (Centro de Formação Desportiva de Surf do Agrupamento de Escolas Poeta António Aleixo, Portimão) e Márcia Nunes (Centro de Formação Desportiva de Surf do Agrupamento de Escolas Silves Sul, Armação de Pêra).

Michael Conlan e Bruno Gregório, ao centro, nos 2º e 3º lugares do Pódio Nacional Escolar Surf Juvenis Masculinos (®DR)

Michael Conlan e Bruno Gregório, ao centro, nos 2º e 3º lugares do Pódio Nacional Escolar Surf Juvenis Masculinos (®DR)

Os seis alunos algarvios que competiram nas ondas são de Portimão (Diogo Pereira, Henrique Poucochinho e Ricardo Augusto), Quarteira (Michael Conlan e Bruno Gregório) e Lagos (Leon Schneider). Foram os alunos apurados após três encontros regionais no Algarve (ver notícia). A comitiva algarvia ao nacional escolar deveria também integrar Carolina Milho (Quarteira / Surf Open Feminino) e Ricardo Mendonça ( Aljezur / Bodyboard), mas estes dois alunos não competiram em Matosinhos.

Diogo Pereira em ação na Praia Internacional. Algarvio 'limpou' a categoria Surf Iniciados Masculinos (®DR)

Diogo Pereira em ação na Praia Internacional. Algarvio ‘limpou’ a categoria Surf Iniciados Masculinos (®DR)

Diogo Pereira (Portimão) e Leon Schneider (Lagos) foram os dois representantes do Algarve na categoria Surf Iniciados Masculinos, que teve apenas sete alunos em prova e começou nas meias-finais. Leon Schneider perdeu ‘de primeira’, em 3º na sua meia-final e concluiu a prova em 5º lugar. Diogo Pereira venceu a outra meia-final e venceu também a final, sagrando-se Campeão Nacional de Surf Escolar na categoria.

Michael Conlan venceu três baterias e fez 2º lugar na Final Surf Juvenis Masculinos (®DR)

Michael Conlan venceu três baterias e fez 2º lugar na Final Surf Juvenis Masculinos (®DR)

Henrique Poucochinho, Ricardo Augusto, Michael Conlan e Bruno Gregório competiram na categoria Surf Juvenis Masculinos. Foi a categoria com mais alunos em prova (24) e com fortes representações das DSR Lisboa e Vale do Tejo, Centro e Norte.

Michael Conlan e Bruno Gregório ‘limparam tudo’ até à final, vencendo as respetivas baterias nas três primeiras rondas (‘oitavos’, ‘quartos-de-final’ e meias-finais). Na final, Michael Conlan terminou em 2º e Bruno Gregório em 3º, ultrapassados por David Almeida, da DRS Centro.

Bruno Gregório venceu tudo até à final Surf Juvenis Masculinos, tendo terminado em 3º (®DR)

Bruno Gregório venceu tudo até à final Surf Juvenis Masculinos, tendo terminado em 3º (®DR)

Os quartos-de-final Juvenis Masculinos foram o momento de ouro algarvio em Matosinhos. As quatro baterias da ronda foram ganhas pelos quatro algarvios em prova. Ricardo Augusto obteve nessa fase a sua segunda vitória consecutiva em baterias, acabando por ser eliminado em 4º nas meias-finais. Henrique Poucochinho tinha passado os ‘oitavos’ em 2º, venceu nos ‘quartos-de-final’ e também foi eliminado nas meias-finais, em 3º noutra bateria. Henrique terminou a prova em 5º e Ricardo em 7º.

 

Comentários