pub

Pesca Desportiva

Open Noturno na Praia de Alvor

Cerca de 50 pescadores participaram na prova noturna, na Praia de Alvor (®PauloMarcelino)
Cerca de 50 pescadores participaram na prova noturna, na Praia de Alvor (®PauloMarcelino)
pub

Meia centena de pescadores de todo o Algarve e até do Norte do País juntou-se ao princípio da noite de sábado, 3 de setembro, na Praia de Alvor, para o 1º Open Noturno de pesca na praia (‘surfcasting’) organizado pela secção de pesca desportiva do Clube Naval de Portimão. “Que eu tenha conhecimento, somos o único clube algarvio a fazer open noturno”, comentou Rui Francisco, responsável pela secção organizadora, ao Swell-Algarve.

A prova não contou para os campeonatos regional ou nacional. “O convívio é o grande desafio neste tipo de provas”, explicou Rui Francisco. Os clubes algarvios de pesca desportiva organizam, cada um, provas oficiais de campeonatos e também um Open livre por ano.

Pescadores começaram a dirigir-se para os respetivos pesqueiros mais de uma hora antes do início da prova (®PauloMarcelino)

Pescadores começaram a dirigir-se para os respetivos pesqueiros mais de uma hora antes do início da prova (®PauloMarcelino)

O Clube Naval de Portimão tem planeado organizar este ano duas provas Open, a de ontem e outra em dezembro, sendo o único clube algarvio a organizar, atualmente, uma prova noturna de pesca desportiva. “É uma tradição que tínhamos no Alvorense”, disse Rui Francisco, referindo-se ao clube de onde saiu o grupo de pescadores desportivos que formou, no ano passado, a nova secção de pesca no CNPortimão.

A prova livre decorreu entre as 21h00 de ontem e a 01h00 da madrugada deste domingo, 4 de setembro, concluída com um jantar de convívio e entrega de prémios aos três pescadores com maior peso de pescado capturado. O convívio foi o grande objetivo na prova noturna, mas como confessava um dos participantes ao Swell-Algarve: “Ninguém gosta de perder, nem a feijões”.

Clube Naval de Portimão é o único clube algarvio a organizar um open de pesca noturno, que é tradição em Alvor (®PauloMarcelino)

Clube Naval de Portimão é o único clube algarvio a organizar um open de pesca noturno, que é tradição em Alvor (®PauloMarcelino)

Importa sublinhar que a pesca desportiva algarvia na vertente ‘surfcasting’ tem um nível competitivo, nacional e internacional, de topo. O clube de pesca desportiva de Olhos d’Água, por exemplo, já foi campeão nacional e participou, recentemente, num campeonato do mundo. Atletas desse clube participaram na prova noturna em Alvor e, tal como os restantes, entraram na praia com ‘uma artilharia’ impressionante.

Os pescadores transportam o seu material em carrinhos semelhantes aos do golfe. Montam abrigos, tripés para segurar as canas e suportes para terem o material de pesca acessível em posição de pé. Cada um tem os seus segredos para estas provas de isco livre, que podem passar por ‘moscas’ luminescentes. É uma logística assinalável e dispendiosa. A este nível é fácil encontrar conjuntos cana e carreto de valor superior a mil euros.

Edite Sombreireiro dedicou-se à pesca depois de se reformar e compete agora com os melhores do País (®PauloMarcelino)

Edite Sombreireiro dedicou-se à pesca depois de se reformar e compete agora com os melhores do País (®PauloMarcelino)

A concentração dos atletas na montagem do equipamento nos respetivos pesqueiros, separados por 20 metros, foi intensa e feita de pormenores. Todos diziam estar ali pelo convívio, mas o espirito competitivo aumentava à medida que se aproximava a hora do primeiro lançamento. Havia mesmo quem dissesse que não ia colocar o dispositivo de luz no topo da cana, para que os outros não se apercebessem dos movimentos. Nada é deixado ao acaso; no Algarve a pesca é um assunto sério.

Comentários